Google+ Followers

29.6.06

"O Silêncio de Deus"

Recentimente, durante visita ao antigo campo de extermínio nazita de Auschiwitz, onde mais de um milhão de pessoas foram mortas pelo regime nazita de Adolf Hitler, o papa Bento 16 declarou ser "difícil e problemático" para um cristão, certamente muito mais para uma papa Alemão, "Falar neste lugar de horror". E disse a seguinte frase: "Por que, Senhor, permanecestes em silêncio?".
Esta pergunta sempre surge nos momentos de calamidade. Foi assim no episódio de 11 de Setembro, nos EUA. No Tsunami, que em 26 de Dezembro de 2004, devastou a costa de vários países do Oceano Índico deixando uma marca de mais de 280 mil mortes. No furação Katirna, que causou varios mortes na região litorânea do Sul do Estados Unidos.
As pessoas ficam perplexas diante destes acontecimentos e questionam "Onde estava Deus?", "o porquê de seu silêncio".
Transformo esta indagação do papa Bento 16 e de todas as pessoas que de tal forma pensam como ele, em outra pergunta. Onde estava o Homem quando estas calamidades aconteceram? Onde estavam os líderes mundiais, o Papa, os líderes religiosos, quando milhares e milhares de pessoas eram "exterminadas" nos campos de concentração nazista? Onde estas mesmas pessoas estavam quando milhares de hectares de florestas foram desmatadas indiscriminadamente, causando um desequilibrio na natureza?
É fácil tentar culpar Deus. É a velha tática da "transferência de responsabilidades". Adão é que o diga!
Abaixo deixo transcrito um artigo do Pr Caio Fábio (www.caiofabio.com), intitulado "E quando Deus faz Silêncio?". Boa Leitura!

E QUANDO DEUS FAZ SILÊNCIO?
Deus faz silêncio...Nada acontece...As coisas apenas seguem o curso da mecânica universal. Deus faz silencio...Os homens gritam,a igreja vocifera, os políticos denunciam, a mídia pauta ou constrói histórias, os teólogos deprimem-se, os filósofos sentem saudades de Sócrates e Platão, os pastores prometem bênçãos que as estatísticas cumprirão,os profetas tem seu preço, os piedosos gemem, os jovens sentem o engano, os idosos oram pelo que vão deixar com angustias piores do aquelas que um dia conheceram, e a brisa é feita de vento oriental—aquela que faz o profeta que não se vendeu desejar a morte. Deus faz silêncio...Nascem as literaturas apocalípticas, as pseudo-epígrafes, os apócrifos, os messias se candidatam...a apóstolos, bispos e videntes. Deus faz silêncio...não se impressiona. O alarido da igreja é proporcional ao silêncio de Deus. A igreja tenta substituir Deus, falar em Seu nome, romper o silencio divino como se o Nome de Deus equivalesse à Sua Voz.Deus faz silencio...Ele fala?Falará!Quem desejará ouvir?Deus faz silencio..."

Nenhum comentário: